10 filmes gays que vão muito além de sexo


Ainda falta muito para que nossa sociedade receba com naturalidade a ‘cena gay’ no cinema, que apesar dos notáveis avanços na aceitação, ainda repercute negativamente por parte da grande maioria dos espectadores. Sabemos que qualquer opinião ou sentimento concebido sem exame crítico é fruto de preconceito, e achar que os homossexuais são sinônimo de promiscuidade, é um atestado claro de ignorância que deve ser revisto urgentemente por cada ser humano desse planeta.

Em contrapartida, o cinema vem tratando de controverter, potencializando e registrando essas histórias. filmes, curtas e documentários que abordam esse tema, são criados no intuito de elucidar os fatos. Por isso estamos trazendo aqui dez filmes que trouxeram para debate esse contexto.

  Jongens

Esse filme conta a história de Sieger, um garoto tímido de 15 anos, está treinando para o campeonato nacional de revezamento, onde conhece o intrigante e imprevisível Marc. Eles desenvolvem uma amizade que parece ser nada fora do comum, mas Sieger secretamente cultiva sentimentos mais fortes por Marc. Ele inicia uma luta solitária consigo mesmo, quando descobre que Marc também é apaixonado por ele.

Laurence Anyways

Uma história de aceitação e amor, nela conheceremos ‘Laurence’, um professor de inglês com um trabalho estável e uma relação sólida com sua namorada Fred. Porém, não se sente confortável com sua vida e decide confessar seus planos de mudar de sexo.

 Shelter

Zach (Trevor Wright) é um rapaz que, desde de que foi forçado a largar seu sonho de estudar artes, coloca as necessidades dos outros acima das suas e por isso passa seus dias trabalhando em um emprego sem futuro e ajudando sua irmã mais velha, Jeanne (Tina Holmes) e seu sobrinho Cody (Jackson Wurth). Em seu limitado tempo livre, ele surfa, desenha e aprecia a companhia do seu amigo Gabe (Ross Thomas). Quando o irmão de Gabe, Shaun (Brad Rowe), retorna à cidade, é atraído pelo altruísmo e talento de Zach e, assim, os dois iniciam um relacionamento íntimo e verdadeiro. Shaun incentiva Zach a dar rumo à sua vida e a investir nas suas artes. Zach, porém, entra em conflito com sua própria identidade, tendo que conciliar seus próprios desejos e necessidades com os de sua família e amigos, enquanto tenta compreender os sentimentos que tem por Shaun.

  The Normal Heart

Ned Weeks (Mark Ruffalo) é um escritor, seu namorado Felix (Matt Boomer) contrai o vírus da AIDS, fazendo com que ele se torne um grande ativista. Sua principal bandeira é mostrar para o mundo que a doença não deve ser vista como um “câncer gay”, ideia comprada pela médica cadeirante Emma Brokner (Julia Roberts), que passa a agitar a causa dentro da comunidade científica.

 Milk – A Voz da Igualdade

Esse filme que se passa no Início dos anos 70, nos traz Harvey Milk (Sean Penn), um nova-iorquino que, para mudar de vida, decidiu morar com seu namorado Scott (James Franco) em San Francisco, onde abriram uma pequena loja de revelação fotográfica. Disposto a enfrentar a violência e o preconceito da época, Milk busca direitos iguais e oportunidades para todos, sem discriminação sexual. Com a colaboração de amigos e voluntários (não necessariamente homossexuais), Milk entra numa intensa batalha política e consegue ser eleito para o Quadro de Supervisor da cidade de San Francisco em 1977, tornando-se o primeiro gay assumido a alcançar um cargo público de importância nos Estados Unidos.

 Além da Fronteira  (Out in the Dark )

Nimer (Nicholas Jacob), um estudante palestino, e Roy (Michael Aloni), um advogado israelense, apaixonam-se desde a primeira vez em que se encontram. À medida em que a relação dos dois se desenvolve, Nimer tem que lidar com sua família conservadora e com sua condição de palestino morando em Israel. A situação piora quando um amigo próximo é capturado em Tel Aviv e assassinado na Cisjordânia.

 Meninos não choram

A história da vida de Brandon Teena (Hilary Swank), uma mulher que decide se passar por homem. Ela começa um caso de amor com uma mãe solteira da zona rural de Nebraska e sofre trágicas consequências como resultado da descoberta de sua transexualidade.

 Praia do Futuro

Produto nacional, o filme ‘Praia Do Futuro‘ conta a jornada de ‘Donato’ (Wagner Moura), homem simples que trabalha como salva-vidas. Donato é  sendo admirado por seu irmão caçula, devido à coragem demonstrada ao se atirar no mar para resgatar desconhecidos. Um deles é Konrad, um alemão de olhos azuis que muda por completo a vida de Donato após ser salvo por ele. É quando Ayrton, querendo reencontrar o irmão, parte para Berlim.

 Má Educação

Madri, 1980. Enrique Goded (Fele Martínez) é um cineasta que passa por um bloqueio criativo e está tendo problemas em elaborar um novo projeto. É quando se aproxima dele um ator que procura trabalho, se identificando como Ignacio Rodriguez (Gael García Bernal), que foi o amigo mais íntimo de Enrique e também o primeiro amor da sua vida, quando ainda eram garotos e estudavam no mesmo colégio. Goded recebe do antigo amigo um roteiro entitulado “A Visita”, que parcialmente foi elaborado com experiências de vida que ambos tiveram. Goded lê o roteiro com profundo interesse. Este relata as fortes tendências de pedofilia que tinha um professor de literatura deles, o padre Manolo (Daniel Giménez Cacho), que vendo Ignacio e Enrique em atitude suspeita diz que vai expulsar Enrique. Ignacio, sabendo que Manolo era apaixonado por ele, diz que fará qualquer coisa se ele não expulsar Enrique. Então Manolo promete e molesta Ignacio, mas não cumpre a promessa e expulsa Enrique. Goded decide usar a história como base do seu próximo filme e, por causa de um isqueiro, vai até a casa de Ignacio e constata uma verdade surpreendente.

 CAROL

Eleito o melhor filme gay de todos os tempos pelo Instituto Britânico de Cinema, ‘Carol’ é situado na Nova York dos anos 50, o filme baseado no livro “The Price of Salt” acompanha o escandaloso relacionamento entre uma mulher rica (Cate Blanchett), presa em um casamento sem amor, com a funcionária de uma loja de departamentos (Rooney Mara).