Nota:

Data de lançamento para filmes online (1h 36min) Direção: Trish Sie Elenco: Anna Kendrick, Rebel Wilson, Hailee Steinfeld mais Gêneros Comédia , Musical Nacionalidade EUA
6.5

‘A Escolha Perfeita’ foi um dos hits surpresa de 2012. A comédia musical, dirigido por Jason Moore foi bem recebida, graças ao charme irresistível de seus personagens. A sequência inevitável, surgiu em 2015, colhendo um sucesso de bilheteria consideravelmente maior. Com 70 milhões de fundo na Estados Unidos durante seu primeiro fim de semana, o filme tem o recorde para a maior abertura da história de um musical e terminou sua jornada comercial como um dos filmes de maior bilheteria dirigido por uma mulher (Elizabeth Banks ).

Embora essa seja uma franquia amada por todos os tipos de público, sua audiência é na maioria feminina. Com o sucesso das duas primeiras partes, foi mostrado que filmes dirigidos, escritos e estrelados por mulheres também podem ter sucesso em Hollywood, e em todo o mundo. Por isso, a terceira aventura das Barden Bellas já está entre nós. No entanto, tudo indica que é a última vez que as veremos em ação (pelo menos até a Universal anunciar um spin-off ou uma continuação estrelando uma nova formação musical). ‘A escolha Perfeita 3’ chegou trazendo um capítulo final, e talvez seja o melhor a se fazer, antes que a exaustão assuma completamente a saga.

O novo filme, dirigido por Trish Sie , mostra a decadência e ressurgimento das Barden Bellas. O filme começa com uma reunião do grupo Acapella, onde as personagens lembram tempos melhores.  Ao longo da história, as garotas tentam reprimir sua melancolia retornando como um grupo musical em uma nova turnê, que busca entreter membros do exército deslocados em outros países.

A estrutura narrativa é dividida em três blocos: o primeiro trata do desapontamento das cantoras com sua vida pós-estudantil após enfrentar inúmeras adversidades pessoais e de trabalho; no segundo, elas recuperam a ilusão graças à sua participação numa nova disputa, e, finalmente, há a grotesca subtrama de ação estrelada por Amy a Gorda (Rebel Wilson). Neste último, a loira se infiltra em um iate para salvar suas lindas irmãs das mãos de um criminoso de colarinho branco. Um enredo digno de ser comparado com ‘Johnny English’, a melhor paródia de James Bond.

O peso da trama recai sobre os personagens mais conhecidos da saga: Beca (Anna Kendrick), Chloe (Brittany Snow) e Amy. Chloe representa o medo do futuro e do presente, enquanto Beca incorpora positividade e vontade de seguir em frente. Esta fórmula foi usada também no longa anterior. Além de deixar de lado personagens antigos ou usá-los como um recurso cômico, alguns novos foram adicionados para continuar a dinâmica das batalhas e do interesse romântico.

‘A Escolha Perfeita 3’ continua com a tendência marcada por seus antecessores, com coreografias bem calculadas, mas com momentos musicais excessivamente emocionais. Uma das razões pelas quais o público recebeu tão bem o primeiro filme, era o humor seco do roteiro. A segunda parte perdeu parte desse humor, e embora agora tente retornar às suas origens cômicas, o faz de uma forma um pouco sem sal, baseando as piadas em referências próprias.

Em geral, e apesar de suas muitas falhas, ‘A Escolha Perfeita 3’ cumpre sua função principal. É divertido graças à sua mistura de comédia, ação e música, tem ótimas performances além das participações Ruby Rose e DJ Khaled.

Embora seja difícil dizer adeus as Barden Bellas, o filme dirigido por Trish Sie dá um toque final digno da trilogia musical.

Anterior Santa Clarita Diet pode ganhar terceira temporada segundo Showrunner
Próxima Toy Story 4 tem data de estreia confirmada

Sem Comentários

Deixe uma Mensagem

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *