Após acusação de assédio James Franco é removido digitalmente de capa de revista


Após receber o prêmio de melhor ator no Globo de Ouro pelo filme O Artista do Desastre (The Disaster Artist), James Franco foi acusado de má conduta sexual por cinco mulheres. Após polêmica, Franco foi removido da capa da edição “Hollywood” da revista Vanity Fair, que tem entre outras estrelas  Reese Witherspoon e Oprah Winfrey.

A foto da capa foi feita pela aclamada fotógrafa Annie Leibovitz, e originalmente tinha a presença de Franco na edição.  “Nós tomamos a decisão de retirar James Franco da capa  “Hollywood” uma vez que soubemos das acusações de falta de conduta contra ele”, disse um porta-voz da Vanity Fair ao The Hollywood Reporter.

Franco não está respondendo aos pedidos da imprensa para um comunicado oficial.

Leia mais: James Franco nega denúncia de assédio

Na capa composta por várias estrelas do cinema vemos da esquerda para a direita: Oprah Winfrey, Nicole Kidman, Reese Witherspoon, Tom Hanks, Michael B. Jordan, Zendaya, Jessica Chastain, Claire Foy, Michael Shannon, Harrison Ford, Gal Gadot, editor-chefe da Vanity Fair Graydon Carter e Robert De Niro.

A mídia social já reagiu aos aparentes erros de Photoshop da capa, que parece mostrar Witherspoon com três pernas e Winfrey com três mãos.

Ambas as estrelas responderam com humor no Twitter, com Witherspoon escrevendo: “Bem … acho que todos agora sabem… Eu tenho 3 pernas. Espero que vocês ainda possam me aceitar por quem eu sou…”

Winfrey respondeu:” Aceito sua terceira perna. Como eu sei que você aceita minha terceira mão “.