Indicados ao Oscar: Me Chame Pelo Seu Nome


O filme de hoje é o super aclamado Me Chame Pelo Seu Nome, dirigido por Lucca Guadagnino e estrelado por Timothée Chalamet e Armie Hammer. O filme fala sobre a descoberta do amor para Ellio, um jovem de 17 anos, que se percebe apaixonado por um aluno de seu pai, Olliver, 24, e os dois têm um romance de verão com a intensidade de um amor para a vida toda.

O longa foi indicado em 4 categorias, incluindo Melhor Ator pára Timothée Chalamet e Melhor Filme. Confira abaixo todas as indicações e algumas curiosidades sobre este belíssimo filme.

Indicações:

  1. Melhor Filme
  2. Melhor Ator
  3. Melhor Roteiro Adaptado
  4. Melhor Canção

Curiosidades:

  1. O autor do livro, André Aciman, faz uma pequena participação no filme.
  2. Timothée Chalament aprendeu a falar Italiano e a tocar piano para interpretar Ellio.
  3. O filme é dedicado à Bill Paxton, que chegou a visitar o set de filmagens e era melhor amigo e agenciado de Bill Swardstrom, marido do produtor do filme, Peter Spears. Durante sua visita ao set, Paxton e Guadagnino viraram amigos, e o diretor decidiu dedicar o filme a ele após sua morte inesperada em 2017.
  4. Armie Hammer, além de ser um dos protagonistas do filme, emprestou sua voz para a versão de áudio livro de Me Chame Pelo Seu Nome.
  5. A adaptação fílmica seria dirigida inicialmente por James Ivory, que assinou o roteiro juntamente com André Aciman, e traria Shia LaBeouf no elenco.
  6. Michael Stuhlbarg, que vive Mr. Perlman, pai de Ellio no filme, está em outros dois filmes com indicações ao Oscar esse ano, A Forma da Água e The Post: A Guerra Secreta.
  7. Para Hammer, as cenas mais desconfortáveis que ele fez no filme foi as em que ele dança.
  8. A maior parte de Me Chame Pelo Seu Nome foi filmada em ordem cronológica, o que não é muito comum em filmagens de uma forma em geral.
  9. Tem Brasil na disputa: o brasileiro Rodrigo Teixeira é um dos produtores do filme.
  10. O diretor Lucca Guadagnino já planejou a sequência de Me Chame Pelo Seu Nome. Ele diz que o que o incentivou foram as atuações excepcionais de todo o elenco, mas principalmente de Armie Hammer, Timothée e Michael Stuhlbarg. Guadagnino disse ainda que poderia não necessariamente seguir o final do livro.

E você, o que achou de Me Chame Pelo Seu Nome? O filme te fez querer ler o livro? O que espera da sequência? A atuação delicada e passional de Timothée Chalamet será o suficiente para desbancar nomes como Daniel Day-Lewis, Gary Oldman e Denzel Washington e concorrer com o novato Daniel Kaluuya? Vamos descobrir juntos no dia 4 de março na premiação do Oscar 2018.

No Comment

Queremos saber o que você achou. Comente!