Minha Mãe É Uma Peça 2 | Paulo Gustavo rasga elogios para o diretor César Rodrigues


A afinidade entre Paulo Gustavo e o diretor de “Minha Mãe É Uma Peça 2”, César Rodrigues, é nítida. Na pílula recém divulgada, o ator mostra a admiração que sente pelo cineasta e a satisfação em trabalhar com ele.

“O Cesinha é um cara superespecial. Gentil, educado, sensível, generoso em cena. Trata todo o elenco com muito carinho”, destaca Paulo.

Para o protagonista Paulo Gustavo, o diretor é a principal resposta do seu trabalho em cena:

“Como eu estou acostumado a atuar para a plateia e a plateia ri do que eu estou fazendo, no set de filmagem eu preciso de alguém rindo do que eu estou fazendo, senão eu fico desesperado. E a câmera não dá esse feedback na hora, mas o Cesinha dá. Ele fica lá atrás vermelho, louco para poder cortar e soltar o riso dele”, conta Paulo Gustavo.

O longa, que estreia em 22 de dezembro, traz uma versão repaginada de Dona Hermínia (Paulo Gustavo), que se tornou uma apresentadora famosa, mas manteve a essência irreverente e superprotetora. A mãe mais amada do Brasil agora tenta aprender a lidar com o amadurecimento e a independência dos filhos mais novos Juliano (Rodrigo Pandolfo) e Marcelina (Marina Xavier).