Mulheres | Protagonizado por Paolla Oliveira e Ricardo Pereira, tem suas filmagens em andamento no Rio


A atriz Paolla Oliveira volta ao set de filmagem com “Mulheres” (título provisório), ficção do roteirista português Pedro Varela com colaboração das brasileiras Adriana Falcão e Tatiana Maciel. Com cenas em Portugal, já rodadas, as filmagens do longa no Brasil vão até a primeira quinzena de outubro e acontecem no Rio de Janeiro. Com direção de Leonel Vieira, um dos cineastas mais aclamados de Portugal, idealizador de longas-metragens como “A Sombra Dos Abutres” (1996), “Zona J” (1988), “A Selva” (2002) e “Julgamento” (2007), a produção é da Gullane e Stopline Films, com coprodução Telecine e Paris Produções, e distribuição nacional da Paris Filmes.

No elenco do filme Luso-Brasileiro, atores conhecidos do grande público, como Ricardo Pereira interpretando Alex, o par romântico de Paolla Oliveira (Helena); Júlia Rabello no papel de Julia (melhor amiga de Helena); e Arlindo Lopes como Fred (amigo e consultor da personagem Helena).

A história começa quando Helena após uma série de desgostos amorosos, aceita uma oferta de trabalho no escritório de Lisboa da agência de publicidade na qual trabalha. Está decidida a mudar o rumo de sua vida afetiva tomando para si um novo objetivo emocional: ser “solteira, inteligente e indisponível”. Mas o destino parece ter outros planos e, logo após sua chegada em Lisboa, conhece Alex, por quem se apaixona.

Para desespero de Helena, Alex começa a apresentar os mesmos defeitos de todos os outros homens, e que Helena tanto despreza, assombrando a relação perfeita. Helena deseja apenas um homem sensível às inseguranças das mulheres, um homem mais parecido com ela. E o que parecia ser um simples pedido aos céus, torna-se uma complexa relação à três…

No roteiro de Pedro Varela, o filme ganha um tom de comédia romântica. “O longa sobrepõe os conflitos de casal ao exercício do olhar. A importância de olharmos para nós mesmos e identificarmos o que nos aflige e o que esperamos das nossas relações. O amor e a comicidade dos acontecimentos estão interligados nesta trama” ressalta o diretor, Leonel Vieira.

“Temos uma grande admiração pelo trabalho do Leonel. É uma honra, como produto poder contribuir para a realização de um filme que dialoga de forma bem-humorada e contemporânea com o universo feminino” revela Fabiano Gullane.

O longa-metragem tem estreia nos cinemas prevista para o 1º semestre de 2017.

No Comment

Queremos saber o que você achou. Comente!