O Poderoso Chefinho ( Oferece mais do que poderiamos enxergar) | Crítica


A cada ano muitas animações estão sendo laçadas, e com o passar do tempo essas se tornam cada vez mais um grande canal sem ruídos, que carrega uma mensagem especial para o público, seja ele formado de crianças ou adultos. Suas ações na tela nos fazem refletir sobre nossa a corrida rotina e perceber coisas que quase nunca observamos.

No filme que parece nos querer lembrar que o amor existe para todos. A história nos apresenta um bebê chefinho, que trabalha muito e tem inúmeros afazeres, um bebê falante que usa terno e carrega uma maleta misteriosa. O recém chegado a família assim como seus pais, está focado em suas obrigações como empresário, não sobrando tempo para “perder” doando qualquer tipo de amor. Seus pais por sua vez estão bastante ocupados com o lançamento de um novo produto, já que trabalham no departamento de marketing de uma famosa empresa de pets. Nessa rotina ultimamente também não estão tendo tempo para os seus filhos, e aí está uma conexão perfeita para os adultos se enxergarem.

Mas é claro que o Longa de Animação está ali também para dar uma mãozinha para os pais que estão prestes a receber um novo filhinho. Quando a atenção desses pais acaba precisando ser dividida entre dois irmãos, muitas vezes não se sabe como agir, mas quando isso é visto no filme, é possível entender cada lado da história, tanto do pai que trabalha muito, quanto do irmão mais velho que acaba de perder o seu posto de único filho.

No decorrer do argumento o poderoso Chefinho une forças com seu irmão mais velho para impedir (numa inacreditável aventura) que um inescrupuloso CEO da empresa de Pets acabe com o amor no mundo (acreditem, ele tem motivos e um bom plano para isso). No final a missão será salvar os pais, impedir uma catástrofe e provar que o mais intenso dos sentimentos tem uma força incomum.

O filme utiliza o 3D muito bem, é realmente necessário pois algumas cenas justificam muito bem o uso dele. Certos trechos onde vemos a imaginação de irmão mais velho, podemos perceber que a animação foi criada para ser vista em 3D, e não convertida como algumas costumam fazer.

‘O Poderoso Chefinho’ é uma animação para toda a família, fala de amor e mostra o quanto somos importantes para quem amamos, isso tudo sempre com muita aventura e piadas hilárias.

Data de lançamento 30 de março de 2017 (1h 37min)Direção: Tom McGrath
Elenco: Giovanna Antonelli, Alec Baldwin, Steve Buscemi mais
Gêneros Animação, Comédia
Nacionalidade EUA

[yasr_overall_rating size=”medium”]