Rotten Apples | Site denuncia se alguém acusado de assédio sexual participa de sua produção favorita


Foi lançado, no último dia 12, o site Rotten Apples, uma espécie de banco de dados que informa se alguém acusado de assédio sexual está atado a algum filme ou programa de TV de seu interesse. O site pode ser acessado aqui.

Ao acessá-lo, o usuário se depara com uma tela simples, com o título do site e um campo de busca onde é possível digitar o nome do filme ou programa de que se deseja ter informações. Ao pesquisar, o site muda e apresenta uma imagem do filme ou programa de TV buscado e as frases “Rotten Apples”, em vermelho, quando há uma pessoa acusada envolvida na produção, ou “Fresh Apples”, em verde, quando não há informação de ninguém na produção envolvido em acusações de assédio sexual. O site também dá instruções para o usuário incluir informações que ainda não estão hospedadas, indicando o nome da pessoa e alguma notícia que fale sobre as acusações. Essas informações, então, serão investigadas e, se verídicas, passarão a integrar o banco de dados.

A intenção do site é aumentar a conscientização acerca das más condutas sexuais que envolvem essas produções e facilitar um consumo mais ético desses produtos. Ele surge em meio à abertura de uma “Caixa de Pandora” em Hollywood, onde o produtor e agora ex-presidente da The Weinstein Company,  Harvey Weinstein, foi acusado de assédio sexual por diversas mulheres, dentre elas atrizes como Rosanna Arquette, Angelina Jolie, Asia Argento, Gwyneth Paltrow e, mais recentemente, Salma Hayek, que revelou até ameaças de morte vindas do produtor.

O produtor e diretor Brett Ratner (X-Men: O Confronto Final) , o produtor Mark Schwahn (One Tree Hill), o ator e comediante Louis C.K. (Louie), e os atores Kevin Spacey (House of Cards), Ed Westwick (Gossip Girl) e Danny Masterson (TheRanch) são alguns que também foram acusados de má conduta sexual recentemente. Todos foram afastados de projetos e demitidos de produções enquanto as acusações contra eles são investigadas.